Varanda… Fechada ou não? Eis a questão!

15
Agosto
2015

.

Antes de começar a falar sobre isso, quero deixar claro que é opinião pessoal que tenho a respeito do tema e acho interessante que cada um pense em como gosta de aproveitar a sua.

Alguns de meus clientes já sabem o que penso sobre o assunto, pois já me perguntaram sobre isso, mas gosto sempre de fazê-los pensar sobre como cada um gosta de sentir e curtir o espaço em questão. Mais do que certo ou errado, que insisto em afirmar que no caso não acontece, é se você gosta ou não de como a varanda ficará.

Pelo dicionário, varanda é uma área coberta e aberta, podendo ser fechada por paredes em até 3 dos seus lados, que serve para abrigo de acessos e/ou proteção de portas e janelas. Ou ainda, varanda é normalmente entendida como parte da casa que estabelece uma transição gradual entre os espaços internos e externos, como o jardim.

O termo “varanda gourmet” também aparece com frequência nos projetos, tanto de apartamentos como de residências. Isso surgiu pela cultura gaúcha de levar suas churrasqueiras para a varanda dos apartamentos já há alguns anos. É um detalhe que as construtoras atualmente exploram muito e é de grande agrado do público, pois além de ampliar as possibilidades de receber os amigos para degustações, ainda proporciona maior integração com o ar livre. Isso se não estiver inteiramente fechada.

Vou voltar um pouco no tempo, quando as varandas ainda não eram tão elaboradas e apenas serviam mesmo de transição entre ambientes... Que lugar gostoso era a varanda! Algumas tinham redes, cadeiras confortáveis e vasos...

Mas agora, com as novas varandas, cheias de novidades, eletrodomésticos e móveis, algumas pessoas querem fechar as suas com portas ou janelas de vidros. Não sou contra, já que moramos num país tropical, que mais parece um forno no verão, período em que mais gostamos de aproveitá-la, mas se você fechar, colocar uma cortina para disfarçar a porta e barrar o sol e instalar um ar-condicionado, ela deixa de ser a “varanda” e passa a ser “outra sala”. Conheço casas onde, depois de fechar com vidro, o morador fez um deck como continuação do espaço, desta vez sem cobertura, para ter um lugar para ficar “lá fora”. E agora quer cobrir com toldo.

É só isso, essa questão.

Pense em que tipo de varanda você quer! Para inspirar você, selecionei algumas bem criativas.



















Author Avatar

Sobre o Autor

Lílian Rocha é arquiteta-urbanista e designer de interiores, sócia da AL3 Arquitetura.

  • Sobre

    DescompliCASA
    Utilizando um novo conceito para gestão de obras, o portal DescompliCASA oferece uma plataforma única que permite ao administrador da obra ou ao próprio proprietário controlar de forma eficiente o orçamento além de disponibilizar uma visão transparente e em tempo real da evolução das etapas com mensagens, fotos, controle dos gastos, documentos da obra, contatos, além de uma ferramenta de projeção de custos que permite identificar os indicadores de performance financeiro e estimar os custos finais de cada etapa.
    Além disso, o portal ainda possui uma ferramenta de busca de profissionais e empresas especializadas em todo o Brasil de modo a facilitar e agilizar contatos e processos de cotações e uma revista online com matérias exclusivas com diversos assuntos de arquitetura, decoração e construção.